A importância do desapego material

O quartinho da bagunça é uma realidade em muitos lares. Isso porque, para algumas pessoas, se desfazer de um objeto pode ser uma tarefa um tanto quanto complicada.

No momento do ato, aquela voz interior ecoa “ahh, mas e se eu precisar disso um dia?”. Então, mesmo que saiba (e você sabe!) que nunca vai usar aquelas coisas, você simplesmente ignora a voz da razão e despacha tudo para o cômodo das tranqueiras, fingindo até pras visitas (e pra você mesma!) que ele não existe.

O problema do cômodo, do encostado é que eles pegam poeira, fica velhos e passam a trazer problemas. Com os pensamentos, ocorre quase que do mesmo jeito, por isso, é saudável se atualizar, aprender coisas novas e enfrentar desafios.

O desapego é como uma via de mão dupla, onde você precisa equilibrar seus pensamentos para que consiga equilibrar outros aspectos da vida, incluindo acabar com esse negócio de quarto da bagunça.

Mas, como faço isso?

Tomando consciência sobre o que é realmente necessário de se manter ou levar pra casa! Por isso e para ajudar nesse processo, separei alguns itens para você se questionar no processo do armazenamento de objetos ou descarte:

1 – Necessidade:

Será que você realmente precisa desse objeto? Avalie de forma racional se ele ainda se encaixa ou faz sentido na sua vida antes de guardá-lo. Muitas vezes nos apegamos a coisas que não precisamos de verdade.

2 – Funcionamento:

Não há razão para manter um objeto quebrado ou que não tem conserto em casa. Por isso, avalie se o que você guarda ainda tem solução, e caso não tenha, desapegue de uma vez!

3 – Duplicado:

Ter muitos objetos parecidos ou que exerçam a mesma função, serve de alerta para que você se desapegue, afinal, essas coisas só vão ocupar um espaço desnecessário. Escolha manter um que seja especial e que tal doar os excessos?

4 – Importância:

Os anos passam, a moda passa e nossas preferências e referências também. Por isso, pense se aquele vaso de flores ainda te agrada o bastante para mantê-lo em casa. Caso não faça mais seu estilo: desapegue!

5 – Cacarecos:

Lembrancinhas de casamento são bonitinhas, mas, cá entre nós: você nunca irá usá-las para nada, certo? Por isso, tente não guardar objetos sem serventia e mais uma vez: desapegue!

É mais fácil do que parece, não é? Coloque em prática essas dicas e diga adeus à bagunça. Não se esqueça: O desapego abre portas para coisas novas em sua vida!

Curtiu as dicas? Conta pra mim nos comentários!

Um grande beijU da Alê Criballi

Quer ver dicas sobre organização. Segue a gente no facebook: https:www.facebook.com/organizandU

 

Gostou? Então nos ajude a espalhar esta mensagem por aí!



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *